sc

SE VOCÊ ESTÁ VENDO ISSO, O SEU CLIENTE TAMBÉM VÊ... ANUNCIE AQUI!
iniciar        parar

30 de agosto de 2014

Homem roubava corpos no cemitério e os guardava em casa

Imagine uma coleção de bonecas cadáveres? Pois, uma investigação sobre uma série de roubos de cadáveres na Rússia levou a polícia a Anatoly Moskvin, um escritor e historiador local, que fazia exatamente isso.

O homem de 45 anos foi pego com os corpos de mais de vinte mulheres em seu apartamento quando seus pais apareceram para uma visita inesperada. Sem pensar duas vezes, e horrorizados, os seus progenitores entraram em contato com as autoridades imediatamente.

Os cadáveres tinham as idades entre 15 e 25 anos. O estranho maníaco tinha trocado as roupas das mulheres mortas e fez todos os reparos necessários a fim de criar suas "bonecas", que ficavam junto com várias outras de brinquedo. Ele admitiu abertamente que desenterrou os corpos, levou-os para casa, arrumou-os, submeteu-os a um processo de mumificação e os manteve em sua casa como "pesquisa" para o seu atual livro.

A maioria da coleção de corpos de Moskvin era de cemitérios em locais, embora ele tenha visitado um total de 750 cemitérios em todo o país. O vídeo acima foi feito durante a investigação e descreve a extensão dos crimes. É tudo em russo, mas se você pular para o tempo de 1:25, ele mostra como o interior da casa de Moskvin parecia. Sinistro.

Postar um comentário