sc

EM BREVE >>>> Mochi-TV
iniciar        parar

7 de outubro de 2014

O MAIOR PERIGO QUE O PAÍS TEM PELA FRENTE

Como já comentei várias vezes, o EX-presidente Lulla – e ele ainda não entendeu que é EX - tem uma doença psicológica conhecida como “Síndrome de FHC” – que ataca, também, grande parte do partido que atualmente está no poder.

Senão, vejamos: tudo o que é (será que é mesmo?) feito pelo partido no poder, diz que “nunca antes...”.

E, isto mostra que a competição da pessoa em questão é – e sempre foi – com Fernando Henrique Cardoso (FHC). Elle não consegue, nem mesmo passa por sua cabeça, o fato de que haja um Presidente da República que tenha sido mais competente do que elle – o que, diga-se de passagem, não é nada difícil.

Então vamos analisar as grandes realizações dos governos liderados pelo Lulla – afinal a Dilma não passa de um marionete (dito pelo próprio Lulla:“Criador e Criatura”):

• Ponto 1 - O “Bolsa Família”, nada mais é do que o “Bolsa Escola”, criado por Dna. Ruth Cardoso (esposa do, à época presidente, Fernando Henrique Cardoso) – com uma enorme diferença em relação ao atual programa paternalista do partido atualmente no poder: o programa de Dna. Ruth Cardoso previa que as famílias somente receberiam o benefício se as crianças fossem matriculadas e frequentassem uma escola. Esta seria a verdadeira ascenção das classes menos privilegiadas a um patamar superior, com a possibilidade de sua inserção no mercado de trabalho.

• Ponto 2 – “minha casa, minha vida”, nada mais é do que a ampliação – a nível nacional – do que já acontece há mais de 15 anos no estado de São Paulo, com os programas da CDHU. Cópia pura, e simples. O partido no poder federal, não inventou nada. Só copiou o que os governos paulistas estão fazendo há mais de 15 anos.

• Ponto 3 – O “pronatec” não passa de cópia – mal feita – das ETEC’s que foram criadas em São Paulo há mais de 10 anos. Apenas como comentário: as Etec’s de São Paulo atendem a mais de 250 mil estudantes (só em São Paulo) – e com qualidade COMPROVADA.

• Ponto 4 – As grandes “descobertas” de pré-sal da Petrobrás aconteceram em função dos investimentos e pesquisas realizadas no governo Fernando Henrique. O que o Lulla diz que é delle, não passa de apropriação indébita de realizações de governos anteriores. Aliás, o que é normal para o partido no poder.

Poderia me alongar na relação de “pretensas realizações” do partido que está na posse do poder executivo, e que não passam de balelas – como sempre.

Aliás, lembro-me de uma frase do – à época, candidato a qualquer coisa – Lulla: “o Fernando Henrique não percebeu ainda que tem que vestir um pijama, afinal ele não é mais presidente”. Ora, será que este senhor (Lulla) não se esqueceu de, também, vestir um pijama? Será que elle ainda não percebeu que sua exposição à mídia está se tornando cada vez mais perto de uma chamada ao fanatismo? Ou, quem sabe, isto seja exatamente o que ele pretende? Afinal, sua chamada “guerra de classes” está chegando. E elle e seu partido a alimentam, porque este é o que realmente pretendem: a guerra entre brasileiros. A guerra de classes. Uma guerra civil, que o Brasil nunca teve.

Na verdade, Lulla e sua equipe querem o confrontamento. Não importa a que preço. Eles são os terroristas do Brasil!!! (Geraldo Banas/Facebooh)
Postar um comentário