5 de fevereiro de 2015

Transeg discute regulamentação com taxistas

A Secretaria Municipal de Trânsito e Segurança Pública de Sarandi, (Transeg) se reúne amanhã com os taxista do município para explicar como vai ser o funcionamento da regulamentação para os carros que trabalham na cidade.

Segundo a secretaria o município tem hoje 40 mil veículos, quase 100 habitantes têm que regulamentar o trânsito da cidade. Conforme a secretaria existe no município mais de 30 pontos de táxi, em funcionamento apenas 4 pontos. A Lei que vai regulamentar os táxi está no departamento jurídico e vai ser enviada para a Câmara de vereadores.

Os taxistas que estão com alvará provisório vão ter a renovação feita para 90 dias, prazo que terão para providenciarem os documentos e equiparem os carros, com as novas exigências, como faixa reflexiva, taxímetro, identificação de táxi de Sarandi, os veículos têm que ser novos. O motorista não poderá ter antecedentes criminais, nem ter tatuagem e estar vestido adequadamente.

A secretaria vai fiscalizar os pontos motorista que ficar mais de 30 dias sem ir ao ponto vai ter o alvará caçado, para passar o ponto só depois de dois anos de trabalho. O táxi terá que ser usado pelo proprietário, em caso de mais veículos registrados no nome, será necessário a abertura de uma empresa com firma registrada.

Veículos abandonados

A Transeg está notificando os proprietários de veículos abandonados nas ruas, são 10 dias para a retirada dos veículos das vias publicas. Depois deste prazo eles vão ser guinchados para o pátio da secretaria, a retirada poderá ser feita em até 90 dias, mediante o pagamento do guincho e taxa de estadia.

Depois do prazo os veículos vão ser leiloados e os recursos arrecadados serão usados em campanhas educativas para o trânsito.

Nenhum comentário: