16 de julho de 2015

Cassação e Liminar

Acontece na manhã de hoje na Câmara de Vereadores de Paiçandu a votação da Comissão Processante, que julga a acusação contra o prefeito Tarcísio Marques dos Reis (PT) por responsabilidade no desvio de pneus doados pela Receita Federal à prefeitura.

De acordo com o levantamento feito pela Comissão Processante, 27 pneus que tinham especificações incompatíveis com os de veículos da frota municipal foram desviados. O caso foi denunciado pelo Ministério Público e resultou no afastamento do ex-secretário de Turismo, Valdir da Fonseca (PT), no processo do MP o atual prefeito não é citado.

Simpatizantes de Tarcisio Marques lotam o plenário da Câmara com faixas e palavras de ordem pedindo a não cassação do prefeito, que até o momento não se faz presente, a defesa do político está sendo feita pelo advogado Marcelo Teodoro. 

Policiais militares fazem a segurança no local. (foto Gilmar Ferreira)

LIMINAR
O advogado Marcelo Teodoro Silva acabou de informar que conseguiu uma liminar que suspende a votação de cassação do prefeito Tarcísio Marques dos Reis (PT) na Câmara de Vereadores de Paiçandu. 

"Tínhamos um pedido de Agravo de Instrumento no Tribunal de Justiça para suspender a sessão de julgamento porque a comissão processante não garantiu o direito de defesa ao prefeito Tarcísio, juntaram novos documentos e não o deixaram se manifestar " comemora Silva.

Na recente trajetória democrática do município, dois prefeitos já tiveram seus mandatos cassados; Jonas Lima (2002) e Moacir José de Oliveira (2008). (Via Maringá Manchete)

Nenhum comentário: