9 de novembro de 2015

Receita passa a controlar as contas bancárias de todos os brasileiros

A partir de dezembro deste ano, todos os movimentos financeiros dos contribuintes passarão a ser enviados pelos bancos à Receita Federal, automaticamente. 

O plano de saúde, seguradoras, cartórios de imóveis e instituições financeiras com as quais o contribuinte se relaciona, como corretoras e distribuidoras de títulos e valores mobiliários, também enviarão à Receita suas informações mensais. Isso significa que o sigilo bancário não existe mais no Brasil.

☺Leia todo o post, e leia também os comentários que você vai se surpreender com coisas sobre bancos que nem imaginava...

RECEITA FEDERAL INSTITUI A E-FINANCEIRA
Significa que os bancos, seguradoras, planos de saúde, distribuidoras de títulos e valores mobiliários e demais instituições financeiras, deverão enviar para a Receita Federal, toda a movimentação financeira dos contribuintes (mês a mês) e (saldos no final de cada ano) de todas as operações que o contribuinte realizou no ano.
Importante que não mais interessa somente o saldo em 31.12 de cada ano, pois a informação trará toda a movimentação (mês a mês) de todo valor financeiro que o contribuinte movimentar em suas contas bancárias.
O propósito é conhecer a movimentação financeira detalhada de cada contribuinte brasileiro (seja pessoa jurídica e física) e assim confrontar os valores informados com os declarados pelo cidadão ou pelas empresas (“cruzamento fiscal”).
Obviamente que o contribuinte deverá estar atento, e declarar com precisão sua renda e movimentação de recursos, sob pena de ser intimada a prestar esclarecimentos á Receita Federal.
É uma nova fase no cerco aos contribuintes, um “BBB” eletrônico e universal, do qual ninguém escapa.
As pessoas físicas deverão adequar-se, de forma imediata, aos novos cruzamentos eletrônicos. A movimentação bancária, por exemplo, precisa estar justificada por rendimentos compatíveis ou devidamente esclarecida por documentos idôneos (como empréstimos bancários). Na discrepância de dados, prevalecerá a presunção de sonegação fiscal, com a consequente atribuição da responsabilidade e penalidades.
Como se vê, cerca-se o contribuinte. Esperamos que a qualidade dos serviços públicos melhore na mesma proporção que este torniquete. Será uma devassa mês a mês de toda sua movimentação bancária, Planos de Saúde, Cartórios de Imóveis, Instituições Financeiras, Bolsa de Valores, Cartões de Crédito, Aplicações financeira por CPF, Consignados – enfim, nada mais terá sigilo para a Receita.
Mário Assis Causanilhas

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
 – Importante informação de Mário Assis Causanilhas, ex-Secretário de Administração do governo do Estado do Rio de Janeiro. O sigilo bancário continua a existir na Lei Complementar 105, mas na prática está revogado por mera portaria ministerial, o que é inconstitucional e mostra o caráter de autoritarismo deste governo corrupto, que tem a ousadia de julgar que todos os contribuintes são sonegadores.(C.N)

20 COMMENTS


  • Num país de bandoleiros e bandidos é de se esperar que as leis não sejam aplicadas. Aos amigos do rei, nada vai acontecer, porque para aqueles os bancos nada vão informar. Para o contribuinte que paga todos os impostos e para aqueles que carregam os dólares na cueca, também nada muda. Agora, vai ter um monte de gente que só vai receber em espécie e a melhor forma de ganhar dinheiro vai ser vendendo o colchão-cofre.
  • virgilio tamberlini

    Esse é o fascista projeto do ‘grande irmão’ que o PT está impondo à sociedade. Ele começou já em 2003, quando o Palocci colocou um ‘homem de confiança’ para presidir o Serpro e o Zé Dirceu colocou outro, vindo da truma do PT ‘da Paraíba’ de São Paulo, para a diretoria técnica.
    No ‘recadastramento’ biométrico da Justiça Eleitoral, eles tiram a digital dos 10 dedos e uma foto que não consta do Título. Os equipamentos e os programas são os mesmos usados pela PF.
    Por que tirar a digital dos 10 dedos ( Quem tem 9 fica fora ? ) e uma foto que não é usada…
  • virgilio tamberlini

    Em seu livro, o Tuma Jr. já mostrou isso claramente. Ele conta o sonho de consumo do PT era ‘ter o cidadão na mão em um único click”. Segundo ele isso teve início com o Tarso Genro e foi ‘acelerado’ pelo Márcio Thomaz Bastos.
    Enquanto isso querem legalizar o dinheiro do crime através da ‘repatriação’. Essa matéria do MP sobre o assunto é ótima…
    http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,mpf-envia-ao-congresso-nota-tecnica-contra-projeto-de-patriacao-de-recursos-no-exterior,1791303
  • virgilio tamberlini

    Para completar essa vergonha nacional, o Congresso já blindou o Lon Neck …
    http://g1.globo.com/politica/noticia/2015/11/cpi-do-carf-rejeita-convocacao-de-filho-de-lula-e-de-ex-ministros.html

  • Esta notícia seria muito boa se fosse para o bem dos brasileiros honestos e a perseguição dos sonegadores. Infelizmente, pelo que vemos dos poderes estabelecidos, o objetivo é o contrário, pois alerta os sonegadores, que passarão a fazer negócios por fora e deixa mais indefesos os brasileiros honestos.
    Podem anotar, qualquer pessoa que se manifestar contra alguma “autoridade da corte” será implacavelmente perseguida pela receita.
  • José Augusto Aranha

    Se o suporte de TI for similar ao e-social…kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Os bancos – amici di tutti i capi – vaõ informar naaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaada.
    A ultrasuperrapida internet brazuca somada aos robustos quadros do funcionalismo que trabalham de segunda a sexta suas contratadas 40 horas vão ser mais precisos que a CIA e KGB juntas.
    • virgilio tamberlini

      Mas para entregar o IR, colocar na malha fina e cobrar o Serpro não falha… No eSocial estão querendo é as multas….
  • Teresa Fabricio

    Com o controle que já existe, teria sido possível identificar todo este enriquecimento ilícito, bastava acabar com a lista de CPFs e CNPJs proibidos de cair na malha!
  • José Guilherme Schossland

    Sugestão: Inserir nos volantes da Loterias da Caixa, o CPF do “joga-dor”, para que qualquer acerto, venha a ser automaticamente disponibilizado pela Caixa numa “Conta CPF”, então extintora da contumaz “lavagem” e de valores na Caixa estocados como não identificados.
    • virgilio tamberlini

      Não está bem assim, para receber pequenos prêmios a Caixa dá a maior canseira. Tenho um conhecido que foi receber uma merreca de um bolão, o gerente enr]rolou um tempão. Depois de exigir mil coisas ainda falou para esse conhecido : Você não entende nada de leis, se eu falei que precisa, precisa. Aí esse conhecido tirou a carteira e disse: E você precisa me acompanhar ao distrito… Era o delegado do bairro….. kkkaasss

  • Obviamente a Receita Federal continuará mantendo ativas consigo as chamadas “listas de intocáveis”. Ou seja, daqueles contribuintes que podem movimentar à vontade quantias incompatíveis com as suas rendas declaradas, e que com eles nada acontecerá.
  • Guilherme Almeida

    É agora a Receita vai importunar cada vez mais os vagabundos dos aposentados e pensionistas com o excesso de gastos das despesas médicas.
    Enquanto isso as Vossas Excelências vão continuar fazendo o que sempre fazem.

  • Não creio que seja tão ruim alias pois pior do que esta com a roubalheira desenfreada não fica sou assalariado e obrigado a declarar não tenho caixa dois.Logo penso que mais alguém deve estar mais preocupado com esta medida que eu.,
  • Antonio Henrique Dantas Silva

    A Receita Federal, como a Gestapo tupiniquim vê o cidadão que trabalha como um delinquente, na ótica dos auditores e fiscais da receita Federal, nós somos SONEGADORES, entretanto a lista dos intocáveis vai continuar a existir.
    Nós vamos continuar sendo extorquidos pelo governo via Receita Federal, e os serviços “públicos” vão continuar pífios.
    Os investimentos da turma da política vai continuar num berço esplêndido.
    Essa é a verdadeira ditadura, não aquela de 1964!

  • A pergunta que não pode calar:
    vai-se controlar de todos os politicos e “dirigentes” da Nação Brasileira ?, porque ate agora é só do povão mesmo.

  • Como sempre, a classe média paga o pato. Os pobres, não têm movimentação bancária, não pagam plano de saúde, etc. Os ricos, são amigos do rei (empresários corrompedores) ou trabalham para o rei (políticos corruptos). Ou ainda têm esquemas para fugir desse BBB (holdings “sem dono”, contas numeradas e trusts em paraísos fiscais). Quem trabalha de verdade, movimenta o país, gera riqueza, esses sim, vão ter que prestar contas das migalhas que sobram. E pior: essaa mesma classe média não tem massa crítica para mudar o país – não tem volume suficiente para ganhar eleição. Os pobres, ignorantes e analfabetos, continuam votando no bolsa farofa e no auxílio madeirite para barraco. Não percebem que capitalismo gera riqueza para todos e que socialismo estúpido gera pobreza generalizada. Não há saída. O Brasil vai virar uma Venezuela ou uma Argentina. Ou uma Coreia do Norte, pior ainda… Até Cuba está repensando suas posições – depois de roubar dinheiro brasileiro, claro… com um porto novinho em folha, financiado pelo BNDES.

Nenhum comentário: