2 de setembro de 2016

Adolescente do Nova Aliança sofre bullying por morar no barro

Ryan Gabriel, de 14 anos, é conhecido no Nova Aliança, Sarandi, por trabalhar vendendo perfumes desde os nove anos. Ele gosta do bairro, mas, por viver lá, está sendo vítima de bullying: as ruas sem asfalto sujam a bicicleta, as roupas e o tênis do garoto.

A violência sofrida por meio do bullying levou Ryan a se manifestar na internet, onde postou um desabafo, no Facebook.

Na postagem, o garoto diz que “já não dá pra aguentar mais”. Ele critica a Prefeitura de Sarandi, “que só joga mais terra e pedra nas ruas”, e lamenta: “sofro todos os dias por ser o mais sujo até mesmo com sacolinha nos pés não da mais, mesmo”.

– Se vou a algum lugar, sou a única atenção. Todos tem de parar de olhar para olhar para minha bicicleta ou para meu sapato quando não falam com palavras –, disse, ao SarandiPR.com, ressaltando que o bullying não ocorre apenas na escola.

– Não aguento mais, sabe. Quando saio e está barro, sou o único sujo do lugar. Suja até quando vai com a famosa sacola no pé.

DESABAFO
Confira, abaixo, o desabado completo de Ryan exatamente como foi publicado no Facebook:

“Pessoal olha aí já não da para aguentar mais há 12 anos moro no nova aliança e a prefeitura só vem jogar mais terra e pedra e já não voltam mais depois de um bom tempo na próxima chuvinha já e levada Precisam urgentemente fazer alguma coisa essas fotos são porque já dei uma limpada mas fica muito pior fora o buling que sofro todos os dias por ser o mais sujo até mesmo com sacolinha nos pés não da mais mesmo já guento isto a uns 12 anos.”

PROMESSA
A crítica de Ryan é comum aos moradores do bairro. Ele disse que “seria um sonho” ver as ruas do Nova Aliança asfaltadas. Mas ressaltou que, por enquanto, só ouviu “promessas”.

– A prefeitura já prometeu várias vezes o asfalto, mas nunca é cumprido e, agora, como e época de eleição, até estão colocando uns tubos lá, e não é a primeira vez, mas nunca sai nada.

PREFEITURA
A reportagem ligou para o secretário de Comunicação da Prefeitura de Sarandi, Geraldo Irineu, ao meio dia desta quinta-feira (1). Ele disse que falaria sobre o caso após as 14h30. Duas ligações foram feitas, mas não foram atendidas pelo secretário.

O contato feito com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Sarandi, por email, as 16 horas, também não teve retorno até as 18 horas.

Inf. Angelo Miloch/SarandiPR,com

Nenhum comentário: