17 de fevereiro de 2017

Aguardando término de ampliação da escola alunos de Sarandi estudam em local degradante

Um fato que está dando o que falar principalmente nas redes sociais, é sobre as condições precárias e eu diria quase desumana que os alunos da Escola Municipal Padre José de Anchieta estão sendo condicionados.


Esta escola está em reforma desde o ano passado, reforma esta que não ficou pronta para o início do ano letivo. Devido a este fato a escola teve que improvisar um local para que estas crianças possam estudar até terminar a reforma e ampliação da escola.

A questão não é a demora da obra se está no cronograma certo ou não, a questão é que não se pode colocar as crianças em um local com pouca ventilação, com janelas quebradas e cacos de vidros a exposição... Sem contar o calor que devem passar debaixo daquelas telhas de eternit fininhas.


Ficam perguntas a serem respondidas... Não teve equipe de transição para detectar esse problema e conseguir um local mas adequado? A escola não se atentou pra esse fato, que com certeza infringe o ECA e o Código Penal no seus Artigos 136 do Código Penal e 232 do Estatuto da Criança e do Adolescente ?

Fica o pedido a secretária de educação Maria Queiroz para que tome as devidas providências e encontre um local adequado para estas crianças estudarem até que a reforma da escola esteja concluída.

Sr. Prefeito, vice e os "cristãos políticos".., Isso jamais pode acontecer em uma administração que se pauta na competência de "fazer diferente". A questão ai não foi a falta de tempo para arrumar a casa mas sim de negligência de quem já está dentro da casa, mas não fez a transição dentro deste departamento como se deveria fazer, ou este fato teria sido evitado.

Nenhum comentário: