9 de março de 2017

No dia internacional da mulher: "Não agredi não, só cortei o cabelo dela".

A noção de violência de Elton Martins, 27 anos, se resumiu à agressão física. Preso após manter a ex-mulher em cárcere privado por sete dias, em Maringá, ele disse: “Não agredi não. Só cortei o cabelo dela”.

Elton foi preso na manhã desta quarta-feira (8), Dia Internacional da Mulher. Segundo o BO (boletim de ocorrência) da PM (Polícia Militar), a vítima, de 37 anos, alegou que estava em cárcere privado num apartamento da Avenida Morangueira, no Zona 7, desde o dia 3 deste mês.


Ainda segundo o BO, enquanto esteve encarcerada pelo ex-marido, a mulher, que é professora, foi agredida com socos e chutes. Ela também foi queimada e teve os cabelos cortados. A vítima não pôde sair para dar aula.

Ao repórter Índio Maringá, da Rede Massa, ele alegou que “a culpa é dela” e que não agrediu a professora, mas que “só cortei o cabelo dela”.

Prisão
A professora acionou a PM. Martins fugiu de carro, mas foi detido. De acordo com o BO, crack e cocaína foram encontrados no veículo. Ele e a vítima foram levados à delegacia. Martins foi autuado por lesão corporal. O caso segue com a Polícia Civil. (Inf. Sarandipr.com)

Nenhum comentário: