SEJA BEM VINDO!

21 de agosto de 2019

Doutora Sandra Becker é encontrada morta na Vila Santo Antônio

Uma mulher foi encontrada morta na manhã desta quarta-feira (21) em uma casa da Vila Santo Antônio, em Maringá. Segundo a Polícia Militar, o corpo é da advogada maringaense Sandra Becker.

A Polícia Militar (PM) foi chamada às 10h45. De acordo com o delegado responsável pela Delegacia de Homicídios, Diego Elias de Freitas, a advogada apresentava um tiro na cabeça. 
O corpo seria encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) e o caso será investigado. 

O velório da advogada maringaense está sendo realizado na capela do Prever do Cemitério Parque e o sepultamento será realizado no mesmo cemitério. O horário não foi divulgado.

Caso Sandra Becker

A advogada maringaense Sandra Becker foi condenada a 13 anos e 10 meses de prisão por planejar a morte do noivo, em 2014. O julgamento durou três dias e foi realizado no Tribunal do Júri de Curitiba, em julho do ano passado.

Lourival Alves, de 43 anos, foi morto a tiros em janeiro de 2014. A vítima estava no carro quando foi alvejada na Vila Morangueira.

Sandra disse à polícia que o noivo havia sido baleado durante tentativa de assalto, mas logo um suspeito de ser amante dela foi preso. Marcílio Aparecido Ribeiro, de 28 anos, ex-presidiário, confessou ter matado Alves a mando de Sandra porque ele era muito violento.

Sandra já teria registrado cinco boletins contra a vítima. Ribeiro está preso há quatro anos, mas a advogada aguardava julgamento em liberdade. Os dois foram acusados pelo Ministério Público de planejar e executar o crime.

O Júri Popular iria ocorrer em Maringá, mas a pedido da defesa de Sandra, o julgamento ocorreu no Tribunal do Júri de Curitiba. Na época o advogado dela, Cláudio Delladone, alegou que a alteração de local era por conta de se tratar de um crime que gerou repercussão na cidade e para evitar que houvesse imparcialidade durante o julgamento. (Via GMC online)

Nenhum comentário: